Quarta-Feira, 23 de Setembro de 2020

Notícias

Sexta-Feira, 24 de Janeiro de 2020 14:51

Casal é encontrado morto em precipício de cachoeira de MT e suspeita é de latrocínio

Em depoimento, um dos suspeitos confessou o crime. Ele roubou o casal com a ajuda de um morador de Aripuanã, já identificado pela polícia. O quinto suspeito teria sido o responsável por matar o casal, mas ele confessa que jogou os corpos na cachoeira. O caso segue sendo investigado. Têm sido feitas diligências pela cidade. O casal não é natural de Mato Grosso e não há informações se eles tinham filhos.

Os corpos do casal Rozinha Edileuza da Silva, de 43 anos, e Luiz Sérgio da Silva Lechuga, 57, foram encontrados em um precipício na cachoeira Salto das Andorinhas, em Aripuanã (a 1.002 km de Cuiabá), no começo da manhã de quinta (23). Investigações apontam que eles foram vítimas de um latrocínio e quatro suspeitos já estão presos em Cocal (RO) com a caminhonete das vítimas.

 

O corpo de Luiz já foi resgatado, mas o de Rozinha ainda está no local, aguardando a equipe de resgate. A Policia Civil foi acionada por volta das 7h45 por uma testemunha que se deparou com um dos corpos.

casal cachoeira corpos

O casal Rozinha Edileuza e Luiz Sérgio Lechuga

O local foi isolado e para retirada da primeira vítima. Foi necessária a prática de rapel. O homem estava com as mãos amarradas e um pano enfiado na boca.

A Polícia Civil investiga o caso e trabalha inicialmente com hipótese latrocínio (roubo seguido de morte), já que duas caminhonetes, uma Hilux e uma Ford F1000, foram roubadas. Testemunhas relataram à polícia que o casal saiu de casa na companhia de um homem.

Luiz tinha um ferimento na testa, que pode ter sido causado pela queda, após ser jogado do mirante. Como estava sem documento, não foi identificado logo no começo da ocorrência. Após a história ganhar à população da cidade, vizinhos da vítima contaram que ele e a esposa estavam desaparecidos.

Presos

Testemunhas procuraram à polícia para informar que duas mulheres da cidade postaram vídeos em rede social dirigindo uma caminhonete com as mesmas características do carro da vítima na entrada da cidade de Cocal (RO).

A polícia de Rondônia foi informada do fato e em diligências, por volta das 18h41, três pessoas foram presas em flagrante pelo crime, sendo dois homens, de 20 e 24 anos, e duas jovens, de 17 e 19 anos.

 

 

Em depoimento, um dos suspeitos confessou o crime. Ele roubou o casal com a ajuda de um morador de Aripuanã, já identificado pela polícia. O quinto suspeito teria sido o responsável por matar o casal, mas ele confessa que jogou os corpos na cachoeira. 

O caso segue sendo investigado. Têm sido feitas diligências pela cidade. O casal não é natural de Mato Grosso e não há informações se eles tinham filhos.

 

 

Fonte: RDNEWS

{{countcoment}} COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
{{car.nome}}
{{car.comentario}}
{{car.mais}}
{{car.menos}}