Terça-Feira, 31 de Março de 2020

Notícias

Sexta-Feira, 13 de Março de 2020 19:05

Guedes apoia redução de vereadores e fim de piso para saúde e educação

O ministro da Economia, Paulo Guedes, deu aval nesta quarta-feira (11) à chamada desvinculação dos gastos com saúde e educação.

Guedes declarou apoio integral às mudanças feitas pelo relator na chamada PEC do Pacto Federativo, senador Márcio Bittar (MDB-AC).

Na prática, se a medida for aprovada, governadores e prefeitos ficarão desobrigados de gastar um percentual mínimo do orçamento nessas duas áreas.

Hoje estados e municípios têm de gastar, no mínimo, 12% da receita com saúde e 25% com a educação.

Além da eliminação do piso de gastos com saúde e educação, outra mudança substantiva proposta é o corte no número de vereadores e nas despesas das prefeituras com as câmaras municipais., que também tece o apoio de Guedes.

Estima-se que o país gasta R$ 4 bilhões apenas com a manutenção das câmaras de municípios com até 5 mil habitantes.

Fonte: caldeirao politico

{{countcoment}} COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
{{car.nome}}
{{car.comentario}}
{{car.mais}}
{{car.menos}}