Terça-Feira, 31 de Março de 2020

Notícias

Quarta-Feira, 19 de Fevereiro de 2020 09:14

Médico tem lesão grave no pescoço ao ser mordido por paciente

Um médico de 46 anos sofreu um ferimento grave no pescoço ao ser atacado por um paciente durante atendimento no plantão do pronto-socorro da Santa Casa de Araçatuba (SP) no início da noite de domingo (16).

O acusado do crime é um gesseiro de 22 anos, morador no residencial Atlântico, que também foi acusado de agredir uma médica com tapas.

A reportagem apurou que ao procurar atendimento, o paciente estava bastante agitado e visivelmente embriagado.

Além de agredir o profissional com uma mordida no pescoço, a polícia foi informada que uma médica que estava de plantão também foi agredida com tapas desferidos pelo gesseiro, mas não sofreu lesões.

A Polícia Militar foi informada do crime e a equipe que atendeu a ocorrência relatou que durante a elaboração do boletim, o acusado permanecia muito alterado e chutou a porta do banheiro, causando danos. O gesseiro foi apresentado no plantão policial, ouvido e liberado.

Churrasco

A assessoria de imprensa emitiu nota na tarde desta segunda-feira (17), informando que a Administração e a Direção Clínica do hospital estão tomando as providências legais para responsabilização criminal e civil do acusado em relação ao caso.

Ainda segundo a instituição, o paciente deu entrada na Unidade de Urgência e Emergência para tratar de um ferimento em um dos braços, sofrido durante churrasco, de acordo com o que foi relatado pelos acompanhantes dele.

Médica

O acusado tinha sinais de embriaguez e teria sido avaliado inicialmente pela médica plantonista. Durante o atendimento, ele a empurrou, jogando-a ao chão.

O médico teria sido atacado ao sair em socorro à colega de trabalho e foi ferido com a mordida no pescoço. Ainda de acordo com nota do hospital, por milímetros a mordida não rompeu a veia jugular do plantonista.

Foto divulgada pelo hospital confirma a gravidade do ferimento. É possível ver que parte do tecido do pescoço foi arrancado no local onde houve a mordida. A lesão é tão grave, que o Hojemais Araçatuba optou por editar a imagem, para ser menos agressivo.  

Descontrolado

A Santa Casa acrescenta que o paciente estava totalmente alucinado e passou a correr dentro da Unidade.

Ele teria arrebentado a porta do banheiro da recepção do pronto-socorro e ainda teria agredido um paciente que se escondeu no cômodo durante os ataques praticados pelo acusado, antes de ser detido pelos policiais militares.

Por fim, o hospital informa que o médico passaria por exame de corpo de delito no IML (Instituto Médico Legal) na tarde desta segunda-feira.

O acusado deve ser indiciado por lesão corporal e dano ao patrimônio Público

Fonte: m.tvnoticias

{{countcoment}} COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
{{car.nome}}
{{car.comentario}}
{{car.mais}}
{{car.menos}}